Financiamento imobiliário com recurso da poupança sobe 55% em novembro

SÃO PAULO  –  As concessões de financiamento imobiliário com recursos das cadernetas do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) atingiram R$ 4,88 bilhões em novembro, montante 54,9% superior ao de igual período de 2017, segundo dados divulgados pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). O volume, no entanto, ficou 13,9% inferior ao de outubro desde ano. No acumulado de 2018, até novembro, foram financiados R$ 51,3 bilhões, valor 30,1% superior ao registrado em igual período de 2017.

No acumulado de 2018, até novembro, foram financiados R$ 51,3 bilhões, valor 30,1% superior ao registrado em igual período de 2017.

Nos 12 meses compreendidos entre dezembro de 2017 e novembro de 2018 foram aplicados R$ 55 bilhões de recursos do SBPE na aquisição e construção de imóveis, alta de 22,7% comparativamente aos 12 meses anteriores.

Um total de 19,8 mil imóveis foram financiados em novembro nas modalidades de aquisição e construção. O número é 14,2% menor que o de outubro, mas superou em 46,9% o de novembro do ano passado.

Entre janeiro e novembro de 2018, foram financiadas aquisições e construções de 204,9 mil imóveis, alta de 27,3% em relação a igual período de 2017.

Nos últimos 12 meses, até novembro, o financiamento imobiliário viabilizou a aquisição e a construção de 219,2 mil imóveis, crescimento de 20,9% frente aos 12 meses precedentes.

Em novembro, após o resultado negativo de outubro, a captação líquida da poupança foi positiva em R$ 1,95 bilhão, volume inferior ao observado em outros anos para o mesmo mês.

Entre janeiro e novembro deste ano, contudo, a diferença entre depósitos e retiradas foi positiva em R$ 15,6 bilhões, com recuperação em relação a igual período do ano passado, quando o resultado acumulado ainda era negativo em R$ 183,7 milhões.

Em dezembro, caso se confirme o padrão sazonal, a expectativa da Abecip é de que a poupança apresente captação líquida robusta, motivada pelo recebimento da segunda parcela do 13º salário por poupadores que trabalham no mercado formal.

Graças ao bom desempenho da captação líquida das cadernetas em 2018, o saldo dos depósitos de poupança no SBPE marcou sucessivos recordes.

Com isso, o saldo da poupança no SBPE encerrou novembro em R$ 603,4 bilhões, maior valor nominal da série histórica iniciada em 1994, com crescimento de 10,5% em relação a novembro do ano passado.

Fonte: Valor

© Copyright 2014 :: www.arealpires.com.br

NiteróiWebSites Soluções em criação de sites
Loading...