ANS alerta clientes da Unimed São Luís para fim do prazo de migração

Usuários que perderem prazo correm o risco de perder o contrato. ANS já realizou 7.300 atendimentos presenciais.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar alerta para o fim do prazo para migração dos planos da Unimed São Luís e Multiclinicas. A ANS orienta os usuários para não passar do prazo porque correm o risco de perder o contrato e ficar impossibilitados da portabilidade sem carência em outras operadoras. Desde o dia 27 de agosto, os clientes da Unimed São Luís poderiam mudar de plano de saúde, sem que houvesse perda de carência . A Agência alerta que o prazo é de 60 dias para que o consumidor exerça o direito à portabilidade, e termina no dia 18.

A ANS, que está com funcionários em São Luís desde o final de agosto, já realizou 7.300 atendimentos presenciais auxiliando clientes da Unimed São Luís e Multiclínicas a trocar de plano de saúde sem passar por carência no novo plano. A portabilidade para Unimed São Luís e Multiclínicas foi decretada depois que os planos de saúde deixaram de atender os clientes em consultas, cirurgias, exames e até emergências.

Segundo a ANS, a Unimed São Luís e a Multiclínicas continuam responsáveis pelo atendimento médicos ao clientes até que eles assinem um novo contrato com outra operadora de saúde pela portabilidade, e os clientes que optarem pela mudança devem ficar atentos aos prazos para mudança de plano sem carência.

Há duas semanas, a Unimed São Luís inaugurou um hospital na Rua Rio Branco para atender os clientes e avisou que em vários outros hospitais os serviços voltaram à normalidade. Ainda faltam alguns especialistas para que todos os serviços voltem a normalidade. No entanto, a decisão de manter a Unimed São Luís no mercado é da ANS. A Multiclínicas não se pronunciou sobre os atendimentos realizados em São Luís.

 

Para ler a notícia no site G1, clique aqui.

© Copyright 2014 :: www.arealpires.com.br

NiteróiWebSites Soluções em criação de sites